segunda-feira, 30 de junho de 2014

Coisas sem interesse nenhum.

Há alturas em que se me esfrangalham os nervos ao ler as coisas parvas de alguns blogs.

Há blogs em que, sinceramente faço logo scroll para ver as fotos dos trapos (que até são giras e bem captadas) e ponho-me logo a andar para não ser afectada pela estupidez. 

E as bloggers que se prepetuam como "super felizes, de bem com a vida, consigo e com o mundo, uns exemplos de pessoas e de bom estilo" mas depois precisam de constante bajulação e comentários a dizer "estás supéeeeeee linda" mesmo que estejam com um cabelo mais desgrenhado que um palhaço e uma roupinha conjugada de bradar aos céus e que nem sequer aceitam (ACEITAM) uma crítica sem dar logo um coice virtual??? Irritam-me. Epá, irritam-me sobremaneira. Mas que raios, será que uma pessoa não pode simplesmente ser sincera? Fogo, para mantermos aparências já nos basta o dia-a-dia em frente às pessoas "reais". Será que temos MESMO que manter aparências para as pessoas "irreais", as que estão atrás dum computador e nunca vimos? Bolas, se não é para sermos nós mesmos pelo menos aqui, de que é que serve ter um canal de "libertação de alma e corpo", vulgo blogue?

Quem aqui vem (se é que vem cá alguém, mas isso também não me interessa muito) leva com uma vida de arco-íris, às vezes cor-de-rosa, outras vezes azul, outras vezes pró amarelada, verde ou então nenhuma delas que é o preto.

Por isso é que eu às vezes sou um mummy blog, outras vezes um fashion blog, outras vezes um blog inteligente, outras vezes um blog completamente fútil e inútil! Ou melhor, não sou nada dessas coisas porque sou apenas eu, Mi Maria, diferente todos os dias, mais alegre nuns, com vontade de espancar meio-mundo noutros, sempre bipolar, sem esquizofrénia.

E muitas vezes penso que não fui talhada para estas avarias. Não sei andar cá com coisinhas de blog e escrever todos os dias coisas estúpidas só "pra manter o pessoal animado" e fotografar a minha própria roupa nem que seja "under request" (epá sinto-me mesmo estúpida a fazê-lo!!!), e comentar 500.000 vezes nos blogs alheios com
"Adorei. www.justanotherlogornot.blogspot.com" ou
"uau! justanotherlogornot.blogspot.com"....

Aiiiii que nerbus que isso me dá!!! E pronto, quando isso me dá nervos, fecho a tasca, ponho-me a andar e vou ser feliz para outras bandas. 

E ultimamente tenho sido memso feliz por outras bandas! As bandas dos blogs sarcásticos, e engraçados como tudo, e que levam a vida a brincar, inteligentes e acutilantes e que não pensam blog, respiram blog, comem blog (ou às custas dele), vivem blog!

É verdade que esses blogs também me fazer resumir à minha insignificância, à minha escrita pobretana e sempre incoerente, aos meus conteúdos desimportantes, à falta de motivação e empenho nisto. 

Mas whatever. Também me ajudam a perceber que a vida não são dois blogs.

1 comentário:

Cris disse...

Partilho desse ponto de vista!